Sigo palavras e busco estrelas.

Reaprender…

“Hoje quero lhes falar sobre reaprender.

Como é difícil mudar comportamento! Todo processo de mudança traz um sofrimento. Desde o momento em que nascemos, trazemos reminiscências de outras vidas, das quais não nos lembramos, mas que se refletem em nossas atitudes. Estamos de volta para reaprender.

Trazemos também uma carga de procedimentos e atitudes do meio em que vivemos. É quase impossível não nos influenciarmos pelo nosso ambiente. Quando este é de harmonia, de bons exemplos, o importante é que saibamos transmitir a outras pessoas aquilo que nos foi ensinado. Porém, quando o ambiente é tenso, a desarmonia dominando, as desavenças crescendo a cada novo dia, aí é que precisamos reaprender.

Mas, sozinhos, como encontrar o caminho? Na maior parte das vezes toda essa situação é provocada pela falta do básico, da falta do pão, do meio de sobrevivência, da falta de trabalho. A falta de fé, de saber, “que tudo tem uma razão de ser”, de que tudo está escrito, faz com que o caminhar seja mais difícil. Através da leitura, da busca do conhecimento, do incessante pesquisar a razão de tudo, todas as dificuldades poderão ser superadas.

O reaprender é diário, cada dia é renovado e aumentado o poder de nossas mentes, sempre que nos propusermos a isso. Atenção constante em suas atitudes. A qualquer desvio, a retomada para o caminho da verdade, da renovação, do reaprender.

Uma das coisas mais difíceis é o reaprender a se alimentarVocês aqui estão com problemas de saúde, na maior parte das vezes, causadas por excesso ou falta de alimentação, excesso de bebidas, alimentação inadequada a seus corpos. É obrigação de todos cuidarem de seus próprios corpos. Seguindo as orientações dos médicos da Terra e dos médicos do Espaço serão evitados muitos males.

Comecem hoje a reaprender a conviver com aqueles com quem mantêm contato diário. Abstenham-se de palavras rudes, de atitudes impensadas, de palavras ditas, mas não sentidas. As palavras ferem, mas as palavras curam.

Ouçam suas vozes interiores. As palavras ficam gravadas no éter. As palavras são relembradas. As palavras reconduzem à correção de atitudes. As palavras de nosso Mestre Jesus, sempre cheias de amor, de ensinamento para o saber viver, são a bússola para a condução de suas vidas.

Renovação a cada dia. Releiam as mensagens que mais lhe tocarem. Afinem-se com aqueles que lhes trasmitam paz, segurança, confiança, amor. Acheguem-se a seus familiares. Eles foram postos a seus lados com um objetivo que vocês, na maioria, ignoram a razão.

Aceitem os problemas. Reaprendam que, ao invés da queixa, o importante é resolvê-los. Não se acomodem a situações que lhes causem sofrimento ou desconforto. Tentem superar, tentem reverter, com paciência, tudo aquilo que lhes parecer incômodo.

Aprendam coisas novas para alargarem seus horizontes. A cultura é importante, a ignorância leva a atitudes que agridem, não só a si, como aos outros.

Não tentem repassar para os outros a culpa de suas atitudes, reflitam sobre “culpa”. Como ela é pesada, como é difícil de carregar! Aprendam a pedir desculpas, a se retratarem sem que se sintam diminuídos, humilhados. A humildade é dos grandes. Sejam autênticos, mas respeitem seu próximo.

Reaprendam a contemplar a natureza, acompanhar o crescer de uma plantinha, deliciar-se com o nascer de um novo dia.

Reaprendam as lições de amor, a intercomunicação entre os seres humanos e os animais. Ouçam a beleza do cantar dos pássaros, do cair da chuva. Observem a terra, as pedras, os pequenos animais. Tudo isso contém lições de vida.

São Francisco de Assis reaprendeu a amar seus semelhantes, os animais, após tantos sofrimentos vistos e sentidos na guerra.

Nas suas lutas diárias, reaprendam o poder da observação.

Façam de seus sofrimentos a oportunidade da reflexão para mudanças.

Sejam felizes. Desfaçam-se de suas mágoas e infortúnios. Fiquem na paz emanada do Alto.

Banhem-se dessa luz que os envolve, graças à vontade do Pai e dos bons espíritos aqui presentes e da falange de São Francisco de Assis.”

Este slideshow necessita de JavaScript.

Mensagem retirada do livro “Tempo para o Entendimento”, mensagens psicografados de Francisco Cipriano e Irmã Germana, por Cely Durão, MAP Editora, Rio de Janeiro, 2007.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s