Sigo palavras e busco estrelas.

Posts com tag “amigoo

Encontros

“Pessoas passam pela nossa vida, pesssoas vêm, pessoas vão. Algumas marcam e ficam.

O encontro de pessoas afins está programado pela Espiritualidade. O encontro fraternal, reunindo irmãos com o objetivo de alcançar estágios superiores não é simples coincidência.

Quem aqui chega é porque deve estar, de alguma forma, necessitando de ajuda, bem como ajudar.

A seriedade desses encontros faz com que bons espíritos se aproximem e limpem seus corações de mágoas, de rancores, de egoísmo. Ao ouvirem os conselhos daqueles que são designados para orientá-los estarão galgando patamares superiores.

É necessário estarem prevenidos para evitarem pessoas negativas. O encontro consigo mesmos se dá quando são sinceros, quando estão em paz e cumprindo a sua parte.

O encontro com a Espiritualidade é realizado através das preces. As orações, ditas com confiança, são atendidas.

Prezem suas amizades. Cultivem o amor, afastem setimentos negativos.

O encontro entre um homem e uma mulher determina um estado de felicidade e isso deve ser preservado e cuidado, tal como se cuida de um jardim florido. Quando isso acontece, o verdadeiro encontro, agradeçam e vivam toda essa felicidade.

O encontro com Deus é através da natureza.

Através do magnetismo, pessoas têm a capacidade de atrair e induzir seus semelhantes a atitudes das mais variadas. Aproximem-se de quem lhes possa trazer bons fluidos.

Francisco de Assis encontrou dentro de si forças para mudar uma sociedade e extraiu da natureza forças para superar seus sofrimentos físicos.

Quem procura, acha. Portanto, procurem encontrar-se somente com pessoas positivas e que essas pessoas possam ajudá-los.

Sejam felizes. Fiquem em paz.”


Tu terás estrelas

As pessoas têm estrelas que não são as mesmas. Para uns, que viajam, as estrelas são guias. Para outros, elas não passam de pequenas luzes. Para outros, os sábios, são problemas. Para o meu negociante, eram ouro. Mas todas essas estrelas se calam. Tu porém, terás estrelas como ninguém… Quero dizer: quando olhares o céu de noite, (porque habitarei uma delas e estarei rindo), então será como se todas as estrelas te rissem! E tu terás estrelas que sabem sorrir! Assim, tu te sentirás contente por me teres conhecido. Tu serás sempre meu amigo (basta olhar para o céu e estarei lá). Terás vontade de rir comigo. E abrirá, às vezes, a janela à toa, por gosto… e teus amigos ficarão espantados de ouvir-te rir olhando o céu. Sim, as estrelas, elas sempre me fazem rir!

* Antoine de Saint-Exupéry In:  O pequeno príncipe *