Sigo palavras e busco estrelas.

Posts com tag “caridade

♥♥ O Amor

♥♥
O Amor

O amor é a suprema felicidade do místico,
é a alma acesa em todas as dimensões da vida,
é a força concêntrica do cosmo, é a luz do universo
que se expande em todas as latitudes da criação.

A escola do amor é infinita,
como infinito é o poder do universo.
O amor canta, na força eletrostática do átomo,
e torna-se uma melodia universal, na mecânica do cosmo.

Ele é um conjunto de fios invisíveis ligando toda a criação.

O amor é a vida.
O amor é a caridade.
O amor é a paciência, a tolerância,
o perdão, a amizade, o trabalho, a fraternidade.

Descendo infinitamente para o mundo,
o amor se manifesta no próprio instinto,
impulso irresistível e misterioso
que direciona os animais.

E por lei da evolução ele parte
da simples afinidade entre pessoas e coisas
e esplende como flor da mais rara beleza.
Nada resiste ao amor.

Se porventura estás cansado e oprimido,
pensa no amor, começa com alegria a pensar nele,
a vivê-lo na sua mais pura radiação,
que notarás logo uma diferença no teu estado psicológico:

a mente mais ativa, o coração mais ritmado
e os olhos mais vivos.
E, se esse exercício for cultivado de vez em quando,
a alma se habituará, com as bênçãos , a sentir amor por tudo que
existe, pois nada foi feito sem ele.

As vibrações são constituídas de sons,
e as emissões dos pensamentos são reconhecidas,
quando provêm de almas que dignificam a vida
pelas portas do amor.

A melodia é hamoniosa e divina.
A mente acostumada na ginástica do amor
é capaz de curar seus próprios desequilíbrios,
ou pelo menos aliviar os outros.

O amor confere uma profusão de fluidos superiores
A Fé remove montanhas de imperfeições
para atingir a essência da vida.

O amor é também fé, faze experiências,
experimenta o poder do amor e verás.

Concentra-te no amor, sem que o devaneio
da mente divida a meditação.

Sente no coração, e deixa que o rosto
denuncie esse estado superior.
Desce a cortina dos olhos
e uns dez minutos bastarão .
Uma mente educada opera maravilhas,
e uma mente que ama é o próprio céu na alma,
onde Deus habita com a presença dos
espíritos puros.

NADA RESISTE AO AMOR.

p/espírito de Miramez/João Nunes Maia
do Livro Horizontes da Mente

Foto: O Amor

O amor é a suprema felicidade do místico,
é a alma acesa em todas as dimensões da vida, 
é a força concêntrica do cosmo, é a luz do universo 
que se expande em todas as latitudes da criação.

A escola do amor é infinita,
como infinito é o poder do universo. 
O amor canta, na força eletrostática do átomo,
e torna-se uma melodia universal, na mecânica do cosmo. 

Ele é um conjunto de fios invisíveis ligando toda a criação.

O amor é a vida.
O amor é a caridade.
O amor é a paciência, a tolerância, 
o perdão, a amizade, o trabalho, a fraternidade.

Descendo infinitamente para o mundo, 
o amor se manifesta no próprio instinto, 
impulso irresistível e misterioso
que direciona os animais.

E por lei da evolução ele parte 
da simples afinidade entre pessoas e coisas 
e esplende como flor da mais rara beleza.
Nada resiste ao amor.

Se porventura estás cansado e oprimido,
pensa no amor, começa com alegria a pensar nele, 
a vivê-lo na sua mais pura radiação, 
que notarás logo uma diferença no teu estado psicológico:

a mente mais ativa, o coração mais ritmado
e os olhos mais vivos.
E, se esse exercício for cultivado de vez em quando, 
a alma se habituará, com as bênçãos , a sentir amor por tudo que
existe, pois nada foi feito sem ele.

As vibrações são constituídas de sons, 
e as emissões dos pensamentos são reconhecidas,
quando provêm de almas que dignificam a vida 
pelas portas do amor. 

A melodia é hamoniosa e divina.
A mente acostumada na ginástica do amor
é capaz de curar seus próprios desequilíbrios, 
ou pelo menos aliviar os outros.

O amor confere uma profusão de fluidos superiores
A Fé remove montanhas de imperfeições 
para atingir a essência da vida.

O amor é também fé, faze experiências, 
experimenta o poder do amor e verás.

Concentra-te no amor, sem que o devaneio 
da mente divida a meditação. 

Sente no coração, e deixa que o rosto
denuncie esse estado superior. 
Desce a cortina dos olhos 
e uns dez minutos bastarão .
Uma mente educada opera maravilhas, 
e uma mente que ama é o próprio céu na alma,
onde Deus habita com a presença dos
espíritos puros.

NADA RESISTE AO AMOR.

p/espírito de Miramez/João Nunes Maia
do Livro Horizontes da Mente
Anúncios

SeReNiDaDe

Aprendendo…

“Hoje quero lhes falar sobre serenidade.

Pensem na serenidade que emana de Nossa Mãe Santíssima, na serenidade diante do sofrimento de Jesus, na serenidade de suas preces. Ao caminhar pela vida, pare, pense, indague, reflita sobre como a calma ajuda nas decisões, como a precipitação leva a incorrer em erros, como a irritação contamina seu próximo.

Serenidade não quer dizer passividade. Serenidade é o pensar mais profundo, é o acalmar seus espíritos, é o momento para comunicação com outras esferas. O espírito inquieto leva a perturbações no ambiente e à desatenção para o que se passa à sua volta.

Serenidade é paz interior. Com calma tudo se resolve. O desgaste do corpo e do espírito é resultado da pressa. Paciência para com aqueles com quem se comunicam. Isso parece fácil de dizer,mas difícil de cumprir. Isso requer exercício diário, retomada de posicionamento e muitas preces. Serenidade para dar tempo ao tempo. Quando se perde um ente muito querido, a tristeza de sabermos que não o veremos mais, a falta que ele nos faz, é muito difícil suportarmos, dói e dói muito.

Com serenidade podemos esperar passar uma situação que nos pareça sem solução.

Para tudo há um tempo. O tempo de espera. Rezem, dirijam suas orações a seus protetores, aos bons espíritos, sempre que a inquietação estiver dominando suas ações.

Sejam pacientes para esperar a cura de seus males, físicos ou espirituais. É com serenidade que podemos observar a natureza, a germinação de uma flor, de uma fruta, o crescer de uma criança, o despertar para a vida.

O silêncio propicia uma serenidade. Sejam atentos com seu próximo. É preciso escutar, é preciso lembrar o quanto o outro espera de vocês. Um olhar carinhoso, um abraço sincero, um gesto de amizade é uma forma de caridade. Sejam pacientes no processo de aprendizado. A cada falha, a retomada para o saber. Principalmente, o saber viver.

Vivam o seu tempo, tenham a certeza de que tudo é passageiro, menos o conhecimento, o amor (eterno), a amizade sincera, a crença que tudo pode ser modificado, resolvido.

Não cruzem os braços diante das dificuldades. Olhem-nas de frente, procurem ajuda, façam esforços redobrados para anularem ou minimizarem tudo o que lhes parecer difícil de suportar.

A evolução é contínua. O processo de crescimento é irreversível. Se não puderam aprender em vidas passadas, é tempo de mudar essa situação. Reflitam sobre suas vidas, seus atos, seus objetivos. Não se esqueçam de que a alegria, o desprendimento de suas mágoas, afasta as doenças, os maus pensamentos. Procurem não contaminar seu próximo com suas amarguras. Falem, mas falem com a pessoa certa, aquela em que encontrarem empatia.

Francisco de Assis cumpriu sua missão de amor, sem perder sua alegria de contemplar os animais, a natureza, seus irmãos semelhantes, sempre espalhando uma luz por onde passava e deixando o rastro de ensinamentos até hoje lembrados e repetidos.Espalhem alegria. É natural que sofram, mas não se esqueçam que tudo pode ser resolvido.

Sua espiritualidade requer paciência, serenidade para aprender e reaprender. Serenidade para esperarem o efeito dos remédios e dos trabalhos espirituais. Cada um sabe bem do que precisa, aliem-se àqueles que os reconfortem, procurando sempre ambientes saudáveis.

O amor, a caridade, a justiça divina não podem faltar em seus caminhos. Retribuam tudo o que recebem e receberão em dobro.

Fiquem na paz de Jesus, dos bons espíritos, de São Francisco de Assis e sua falange, trabalhadora, presente, constante

em nossos trabalhos.”


Do livro Tempo para o Entendimento , mensagens de Francisco Cipriano e Irmã Germana. Psicografado por Cely Durão.


SeNtImEnToS

“Hoje quero lhes falar sobre sentimentos. Dentro de cada ser humano estão abrigados sentimentos, os mais diversos: paixão, desamor, harmonia, fé, ódio, esperança, felicidade, rancor, caridade, orgulho, humildade, união, enfim, toda essa torrente que flui dentro de seus cérebros, dentro de suas almas.

O que leva cada um a despertar essa variedade de sentimentos? O orgulho ferido leva ao sentimento de vingança.

Interiormente está a decisão de cultivarem os sentimentos mais elevados.

Não se mortifiquem quando aflorarem sentimentos negativos. O prcedimento para essas ocasiões é a reflexão, o exercício de frearem seus impulsos, de deixar passar aquele momento, é o momento da prece.

Quando o sentimento de desânimo diante da doença lhes tomar a razão, reergam-se, pensem na força interior, na energia que provém do cosmos, e que é essa energia que lhes trará cura.

Quando o sentimento de perda, do irremediável, de vocês se aproximar, lembrem-se que nada acontece por acaso. A razão para tal pode não lhes ser clara, mas proveniente de vidas passadas, cuja compreensão só poderá lhes ser dada através do conhecimento da verdadeira doutrina.

Não se deixem abater, continuem nas suas jornadas, não se esquecendo nunca dos outros que os rodeiam. Os seus sofrimentos não podem ser passados para outrem. Eles podem ser divididos, mas nunca transferidos. O sofrimento de Jesus teve uma causa: a do alerta para as mensagens do Pai.

Quando o sentimento de amargura lhes turvar a mente, reflitam, reorganizem-se interiormente e procurem nos seus âmagos a força necessária para superar essa negatividade.

Quando o sentimento da fé, da esperança, do amor, da doação, iluminar suas almas, espalhem-no por todos aqueles que os rodeiam. Isso é caridade. Isso é amor, isso é centelha divina.

Reformulem-se diariamente. Não abriguem em suas almas nada que lhes possa afetar sua positividade. Quando o sentimento maior, que é o amor a Deus os tocar, abram seus corações. O objetivo é ser feliz, é ser bom, é ser superior.

Tudo está dentro de cada um. Sejam felizes e espalhem a felicidade.

Que a energia e a luz que emana dos Espíritos mais elevados seja distribuída entre todos que aqui se encontram.

A falange de São Francisco de Assis, aqui presente, os acompanhará hoje e sempre.

Elevem suas preces aos bons espíritos e tudo conseguirão.

Fiquem na paz de Jesus e na proteção da nossa dulcíssima Maria.”

Tempo para o Entendimento. Mensagens psicografadas de Francisco Cipriano e Irmã Germana. Psicografado por Cely Durão.


Bondade

“Hoje quero lhes falar sobre bondade. Associamos, imediatamente, bondade à presença de Cristo. Isto é certo.

Para se estar em estado de bondade é necessário esvaziar sentimentos de mágoa, desejo de revidar palavras cruéis que nos feriram, egoísmo, falta de fé.

É preciso estarmos com o coração limpo, a mente arejada. Isso requer um esforço muito grande. A prece é a grande conselheira. A oração desanuvia suas mentes e os transporta a um estado de complacência para com aqueles que os magoaram ou foram infelizes em suas colocações.

Experimentem o prazer de ter seus corações amainados após uma fervorosa prece.

A bondade consiste em compreender, em perdoar e agregar e não afastar. A bondade está expressa num sorriso, num gesto de ternura, no escutar alguém que precisa desabafar.

A bondade é colocar-se no lugar do outro e resistir aos apelos de sentimentos atávicos que clamam por revides.

Sejam bondosos para consigo mesmos, tornando o seu viver mais ameno, lendo e buscando novas fontes de conhecimento, cuidando de sua saúde, protegendo aqueles que lhes foram confiados.

Um amigo é um bem. Conservem-no, aumentem o círculo de amizades. A época é de fraternidade e fraternidade significa amor.

A bondade é o amor residente em cada um. A sinceridade induz à compreensão.

A amargura e a tristeza não devem residir em seus corações. Transformem esses sentimentos negativos para que possam curvar-se à bondade tão apregoada, mas tão mascarada em atos pretensos de caridade.

A caridade pura é sinônimo de bondade. Sejam justos. Sejam felizes. Sejam amigos.

Estejam na paz emanada pelos bons espíritos, pela falange de Francisco de Assis e pelo Nosso Mestre maior, Jesus.”

Do livro “Auto-Ajuda x Alto-Ajuda”, por Cely Durão. Mensagens psicografadas de Francisco Cipriano e Irmã Germana

“A bondade em palavras cria confiança; a bondade em pensamento cria profundidade; a bondade em dádiva cria amor.” Lao-Tzé